Formulário de Notificação de efeitos indesejáveis e problemas de qualidade associados aos produtos cosméticos

 

 

2018 07 31 ARFA IMG 2Para comunicar efeitos indesejáveis e/ou problemas de qualidade relacionados a produtos cosméticos, deve ser preenchido o Formulário de Notificação de Efeitos Indesejáveis associados a Produtos Cosméticos (MOD.DRF.074.01) e enviado para o endereço eletrónico Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar., juntamente com uma fotografia da embalagem original (quando possível).

A ARFA manterá a confidencialidade sobre a identidade do notificador e do utilizador.

Para além de outras informações relevantes, a validação de uma notificação obriga ao preenchimento dos seguintes campos do formulário:

  • Dados do Notificador (morada, telefone e endereço de e-mail);
  • Identificação precisa do produto cosmético ou ingrediente suspeito (Nome do produto e fabricante; Códigos do produto ou marcas de identificação no rótulo ou recipiente; quando e onde o produto foi adquirido). [Nota: não descartar a embalagem e rotulagem do produto pois fornecem informações que ajudarão a ARFA a investigar o problema];
  • Dados do Utilizador (morada, telefone e endereço de e-mail; sexo, idade);
  • Descrição do Efeito Indesejável e/ou Problema de Qualidade.

A ARFA monitoriza todos os casos de efeitos indesejáveis decorrentes do uso de produtos cosméticos, independentemente da origem ou gravidade da notificação. A notificação de efeitos indesejáveis associados a produtos cosméticos é muito importante pois permite registar e identificar os efeitos indesejáveis para os seres humanos, direta ou indiretamente causados por uma técnica, um tratamento ou um produto cosmético, bem como analisar os dados recolhidos e determinar a sua causalidade, a fim de serem aplicadas medidas preventivas e/ou corretivas, para a garantia da saúde pública.

No âmbito da política de proteção da saúde pública, a ARFA desenvolve ações de divulgação da informação de forma a garantir o acesso dos profissionais de saúde e dos consumidores em geral, a produtos cosméticos de seguros e de qualidade.

 


Colabore com a ARFA e notifique os problemas de qualidade e os efeitos indesejáveis associados à utilização de produtos cosméticos.

 

anterior  Menu  proximo

Copyright © 2018 ARFA - Agência de Regulação e Supervisão dos Produtos Farmacêuticos e Alimentares. Todos os direitos reservados.
Joomla! software livre. Licença GNU GPL.